Prefeitura de Cuité faz aquisição de termômetros infravermelho para aferir temperatura da população

Dando sequência as ações de enfrentamento a Covid-19, a Prefeitura de Cuité por meio da Secretaria de Saúde realizou a aquisição de 60 termômetros infravermelho, os quais serão utilizados por profissionais da saúde em espaços onde possam existir aglomerações, entre eles Unidades de Saúde, Centro de Testagem, setor de urgência e emergência do Hospital Municipal, Consórcio de Saúde, entre outros.

A ação, que faz parte do processo de rastreamento de pessoas que possam ter sido acometidas pelo vírus, possibilita um diagnóstico e tratamento precoce da doença, além de romper a barreira de transmissão, já que a maior parte das pessoas é assintomática e por não saberem que contraíram a doença continuam transmitindo o vírus para outras pessoas. “Essa é mais uma ferramenta para ser utilizada pelos profissionais em todos os locais em que se tenham possíveis aglomerações. Esses termômetros nos possibilita fazer a aferição da temperatura e caso a pessoa esteja febril ela seja orientada sobre como proceder, a fim de ser verificado o que está causando essa elevação em sua temperatura”, disse Adriana Selis, Secretária de Saúde.

Além dos termômetros, também foram adquiridos 20 oxímetros que serão destinados às UBS’s e a outros serviços como o Centro de Atenção Psicossocial (CAPS), urgência e emergência do Hospital Municipal, sendo mais um instrumento de trabalho para acompanhamento de usuários que adentram ao serviço de saúde do município, possibilitando identificar fragilidades e dá um encaminhamento mais preciso para o seu atendimento. “Ofertar esses instrumentos de trabalho garante mais segurança para a população em cada espaço onde estiver precisando do serviço de saúde, seja na Atenção Primária, no serviço de média complexidade ou serviço de urgência e emergência, e o mais importante é ter o profissional capacitado para atender, afinal, é necessário dar condições para que este profissional realize o seu trabalho, e assim temos feito”, concluiu a Secretária de Saúde do município.

Compartilhar